Risco Calculado – Robin Cook


Mais um livro de Robin Cook que nos leva a uma viagem pelo thriller médico, com um harmonioso conjunto, no tocante à ficção.

Começamos por conhecer o povo de Salém, na época em que mulheres eram acusadas e condenadas como bruxas, e também a luta de um homem para defender sua esposa e inocentá-la da acusação de pacto com o maligno. Esta mulher era Elisabeth Stewart, que segura de sua inocência e convicta de sua fé, é executada na fogueira.

Anos mais tarde, Kim Stewart, descendente de Elisabeth, herda as terras de Salém e vai morar com Edward Armstrong, doutor em medicina e bioquímica e pesquisador em Harvard; ambos apresentados por intermédio de um primo de Kim. Eles vão morar na antiga casa onde viveu Elisabeth Stewart.

Edward, então, mostra-se muito interessado pela história da família Stewart e os dois descobrem indícios de que as histórias de bruxaria teriam na verdade sido provocadas pelo consumo involuntário de um fungo altamente alucinógeno.

Através desta descoberta, Edward e Kim produzem um antidepressivo resultante do fungo, chamado “Ultra”, super poderoso, capaz de revolucionar a indústria farmacêutica. Mas o seu uso vem acompanhado de efeitos perigosos.

O resto, só lendo muito…

Dr Robin Cook, o homem que criou o gênero thriller médico, há mais de 20 anos,  novamente nos brinda com uma história sensacional, misturando realidade com ficção. Como sou fã dos livros dele (tenho todos), fica até difícil para julgar. Nota 9,5.

Médico ou Semideus – Robin Cook


Cassi (Cassandra), uma patologista residente e o brilhante cirurgião cardíaco Thomas Kingsley formam o par ideal, foram feitos um para o outro. Será, mesmo?

A história começa com a união dos dois, ela necessitando do apoio nas horas difíceis, agora que terá de mudar de especialidade médica por causa de um problema de visão, e ele da devoção que ela nutre por ele e que todo o seu egocentrismo precisa, urgentemente.

Mas o seu castelo começa a ruir quando Thomas, à medida que sua carreira começa a deslanchar, demonstra ter duas personalidades: adorável para o público que o venera e idolatra, e temperamental, excêntrico e insensível com a mulher que o ama. Como se já não bastasse a crise no seu casamento, aparecem problemas no hospital e Cassi descobre que alguém está brincando de Deus, decidindo quem vive e quem morre, matando doentes terminais.

Quando Thomas resolve opor-se às objeções de Cassi, em investigar os assassinatos, uma terrível descoberta e um final inconcebível irão mudar sua vida para sempre.

O resto, só lendo muito…

Sou suspeito para analisar os livros do Dr.Robin Cook. Este foi mais um que gostei muito. Nota 10. 

Toxina – Robin Cook


Nojo. Pavor. Incredulidade… Essas são as palavras que definem este livro de Robin Cook, o mestre do Thriller Médico, que nos leva a uma viagem ao mundo das lanchonetes e fast-foods, aos bastidores dos matadouros, abatedouros e das indústrias de carne, mostrando como os restaurantes adquirem suas carnes de hambúrguer, seguindo uma trilha carnicenta e repleta de horrores.

“Toxina” começa contando o drama do conceituado cirurgião cardíaco americano, dr Kim Reggis e sua filha Becky. Em mais uma sexta-feira normal, ele sai para jantar com sua filha em uma lanchonete para comer hambúrgueres. Porém, não poderia imaginar que sua filha, ao comer aquela carne mal passada, iria sentir-se tão mal e o dr. Kim iria se deparar com a terrível bactéria E.Coli.

Incapaz de impedir que sua filha definhe dia a dia com o progresso violento da doença, ele entra em desespero e resolve, com a ajuda da sua ex-mulher, descobrir porque sua filha foi contaminada e lança-se em uma investigação perigosa, que envolve grandes indústrias de carne e suas práticas assustadoras.

Mas o preço será alto a pagar…

Confesso que fiquei uns cinco anos sem ir ao McDonnald’s, por causa deste livro. A história é muito perturbadora e poderia acontecer nos dias de hoje. Nota 10.