Golem & o Gênio: Uma Fábula Eterna – Helene Wecker

Resultado de imagem para golem e o genioBom dia, querida Família Lendo Muito.

A história de hoje começa em 1899, tendo como cenário o navio Baltika que ia de Danzig para Nova York. Nele viajavam Otto Rotfeld – um fabricante de móveis que conseguira levar a falência o lucrativo négocio herdado com a morte prematura de seus pais , e um caixote grande, contendo uma mulher de barro: sua golem.

Rotfeld, diga-se de passagem, era um sujeitinho bem fútil, desprovido de bom senso; em meio à sua ruína mantinha o sonho de viajar para a América e ter uma esposa submissa. E como era desengonçado e nenhum pouco atraente, chegando a causar repugnância nas mulheres, não restou-lhe outra opção que não a de visitar o velho Yehudah Shaalman, rabino que havia caído em desgraça e vivia na floresta fazendo feitiços em troca de recompensas. Rotfeld encomendou-lhe então uma golem para si, ou seja, uma mulher de barro.

O velho ficou estupefato com tal pedido, pois um golem já era algo muito difícil de se fazer, ainda mais uma fêmea, dotada de consciência e atributos femininos. Mesmo assim, mediante um considerável pagamento, Yejudah entrega a Rotfeld sua tão desejada golem, sem antes alertá-lo de que ela sempre seria uma mulher de barro, teria a força de uma dúzia de homens e o defenderia sem pensar, contudo, poderia chegar o momento em que ele teria que destruí-la por causa de sua fúria cega. 

Yehudah entrega a encomenda num caixote com a recomendação para Rotfeld despertá-la somente quando chegasse na América. Mas quis o destino que ele não esperasse tanto e acabasse por despertar sua golem ainda a bordo do navio. Porém, o asqueroso homem acabou ficando muito doente e morreu em alto-mar, deixando a pobre golem à merce de sua própria sorte.

Sem nome e vagando sem rumo por Nova York, a golem conhece o rabi Avram Meyer que a ajuda e lhe dá abrigo. Assim, ela recebe um nome: “Chava”.

Em certo lugar não tão distante dali, o funileiro Boutros Arbeeely recebe uma garrafa de cobre para consertar e, ao manuseá-la, ele acaba libertando um gênio (ou melhor, um Djim) que recebe o nome de “Ahmad”.

Muitas histórias se cruzam e várias personagens fazem parte desta trama tão bem escrita, mas todos levam a um único desfecho: o encontro de Chava e Ahmad na parte mais pobre de Manhattan. A partir de então, eles tornam-se grandes companheiros, mesmo com suas enormes diferenças, descobrindo que uma força maligna e poderosa era responsável por sua união. E para continuarem vivos, eles terão que lutar contra sua própria natureza.

O resto, só lendo muito.

Um livro encantador, com um enredo excelente, que força o leitor a seguir até o final, sem descanso. Apesar de não ser um fã de fantasia, quero conhecer mais desta autora maravilhosa.

Merece ganhar 5 estrelas.
✮✮✮✮✮

Um beijo no coração de cada um de vocês!

Alex André & Ana Paula

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s