Top 7:Livros que me mudaram

A Naty do blog Only Secret Dreams me indicou para responder a mais essa tag incrível! Mais uma vez obrigada, de verdade! A tag foi criada pelo blog 7Seasons e a ideia é fazer uma lista com 7 coisas, usando qualquer tema.

E, embora eu tenha adorado tema escolhido pela Naty (as 7 histórias que mais a emocionaram), não quis fazer plágio, então decidi abordar um assunto bem parecido: os 7 livros que mais me influenciaram! Só para deixar bem claro, não é uma lista com meus 7 livros preferidos (não acho que conseguiria fazer uma lista tão pequena kk), apenas os sete que mais mudaram meu jeito de pensar, que foram importantes na minha formação ou que me ajudaram a tomar certas decisões. Bem, sem enrolar mais, vamos começar!

1)Percy Jackson

box-percy-jackson-e-os-olimpianos-lacrado-rick-riordan-13998-MLB4543294754_062013-F

Percy Jackson é uma saga composta por cinco livros que narra a trajetória de Percy Jackson, um garoto adolescente com dislexia e déficit de atenção, que tinha apenas um deficiente físico como amigo e parecia ter um talento inegável para se meter em confusões, sendo expulso de diversas escolas. É então que ele descobre ser filho de Poseidon, um dos mais poderosos deuses da mitologia grega. Além disso…desde quando seu amigo não precisa mais de muletas para andar? E ele já tinha pernas de bode antes?

Motivo da escolha:

Ok, eu confesso que essa era uma escolha um tanto quanto previsível, considerando que meu vício declarado pela série é conhecido por todos, mas…essa foi de fato a saga que mais me influenciou até hoje! Tanto que nem consegui escolher um livro só da saga! Percy Jackson foi uma série de primeiras vezes: minha primeira saga de fantasia (meu gênero preferido), minha primeira cena de beijo, o primeiro casal que shippei, a primeira vez que sofri com um livro, a primeira morte…foi o que me fez ler todas as obras de fantasia que li até hoje! E estas foram as mais importantes pra minha formação, cultivando em mim valores, crenças e princípios que não consigo tirar por mais que queira: a importância da amizade, o altruísmo, a fé no amor e uma esperança inabalável, sempre acreditando que o bem sempre vence no final, desde que você se esforce o suficiente e acredite de verdade, além de aprender que ninguém é 100% mau ou bom. É também graças a essa saga que passei a acreditar em mitologia grega e tenho medo de aranhas até hoje. Sem contar que eu sempre me espelhei na Annabeth, querendo ser igual a ela (por isso o medo de aranhas kk). Em suma, acho que Percy Jackson foi pra mim o que Harry Potter foi pra maior parte das pessoas.

2)O violino voador

violino voador

Mags não tem a melhor das relações com a mãe. Não é como se elas brigassem o tempo todo, é apenas como se houvesse um abismo entre elas (e sim, a protagonista escreve exatamente assim, e sim, ainda lembro kkk). Um belo dia ela está se aventurando pelas redondezas de sua casa, como de costume, quando vê uma garota tocando violino por sobre as árvores, como se flutuasse. A verdade é que ela está tocando em cima do teto de sua casa, que é coberto pelas árvores ao redor. Seu nome é Gilliane e seu talento musical é incrível, tendo a chance de entrar para uma escola de música maravilhosa, mas seus pais não querem. Porém, Mags, sua mais nova melhor amiga, não vai se contentar em deixar as coisas como estão…

Motivo da escolha:

Eu tinha apenas 8 anos quando li esse livro, e eu simplesmente amei (tanto que reli várias vezes)! O livro me mostrou que nem sempre nossos pais estão certos e sabem o que é melhor para nós, que devemos tentar fazer nosso próprio caminho, e lutar por aquilo que nós queremos e pelo que nossos amigos querem, mesmo que pareça impossível. Como se já não bastasse, eu copiei muito o estilo da Mags, que eu adorei, o que culminou na minha falta de vaidade atual (minha mãe não gostou muito dessa parte, mas fazer o que? Kkk).

3)Cidade do Fogo Celestial

Daniel Pereira

O último volume da saga best-seller Os Instrumentos Mortais tem a tão esperada guerra épica que definirá o futuro do mundo Shadowhunter, e, consequentemente, do mundano também…qualquer outra coisa que eu disse vai ser spoiler dos livros anteriores, então vou parar por aqui kk.

Motivo da escolha:

Ao contrário do que aconteceu com Percy Jackson, eu consegui escolher apenas um volume da saga, por mais que eu ame todos. Isso se deve ao fato de que, sem entrar em maiores detalhes, quando eu li esse livro, eu estava atravessando uma fase realmente complicada, a mais difícil que passe até hoje, e ele foi o elemento principal pra me fazer me reerguer. Eu nunca me identifiquei tanto com um personagem quanto com o Alec, se a Annabeth era tudo que eu sempre quis ser, ele era tudo que eu sempre fui (querendo ou não), e quem leu a série sabe que o último volume é onde ele aparece mais, quando nós o conhecemos de verdade, e vê-lo evoluir tanto, nunca sair do lado certo, ajudar a vencer uma guerra e ainda ter um final feliz encontrando o verdadeiro amor e se afirmando para todos…isso era exatamente o que eu estava precisando no momento. A saga, e principalmente esse livro em especial, me ensinou a aceitar todos como são, inclusive eu mesma.

4)Deusa da primavera

Baixar-Livro-Deusa-da-Primavera-Goddess-Vol-2-P-C-Cast-em-Pdf-mobi-e-epub-370x517

Deusa da primavera é o segundo volume da série Goddes, que pode ser lida fora da ordem (como eu mesma fiz) sem problema algum. O livro tem como foco a história de Perséfone e o que acontece quando ela troca de lugar com uma mortal…que acaba se apaixonando por Hades.

Motivo da escolha:

A história é realmente incrível, a autora é uma das minhas preferidas e o romance é muito bem construído, assim como os próprios personagens, mais o motivo pelo qual a obra me marcou tanto foi bem menos nobre:esse foi o primeiro livro com uma cena de sexo que li (e eu juro que não sabia, então foi realmente uma surpresa) e acho que nunca vou me esquecer de como senti meu rosto esquentar quando cheguei nessa parte, mas graças a isso, ele me fez entender melhor coisas como sexo e desejo (o que foi fundamental, já que tinha cerca de 12 ou 13 anos na época, ou seja, estava no início da puberdade).

5)Por toda a eternidade

por toda a eternidade

Marah, assim como quase toda a garota de 16 anos, vivia brigando com sua mãe, por qualquer besteira que fosse. Mas agora ela se foi, deixando um marido, dois filhos pequenos, a própria Marah e uma melhor amiga em estado depressivo. E o que não pode acontecer agora que Marah começou a se corar e sair com um garoto um tanto suspeito? E se a tal melhor amiga, que deveria cuidar da garota, vive agora á base de álcool e remédios para dormir?

Motivo da escolha:

A história é terrivelmente triste, e a escrita de Kristin Hannah despensa comentários, desconstruindo tudo o que eu pensava até então sobre automutilação e me ensinando que, mesmo que não pensemos nisso, todos, inclusive nossos pais, tem suas próprias histórias tristes e talvez haja um motivo para eles agirem de formas que não entendemos ás vezes. Como se tudo isso já não fosse o suficiente, o livro ainda serviu de inspiração para a história que posto aqui de vez em quando!

6)Willow

Willow

Willow é uma adolescente comum e alegre, até que seus pais morrem num acidente de carro. O pior de tudo:quem dirigia o carro naquela fatídica noite era ela.

Motivos para a escolha:

O livro me mostrou que, muitas vezes, as únicas pessoa que nos consideram culpadas somos nós mesmas, ainda que pensemos diferente. Ele também me fez perder o hábito de contar quantas vezes eu chorava por ano (sim, eu fazia isso, meu recorde foi de três vezes, mas meu objetivo era o zero kk) ao ensinar que as pessoas que choram na verdade são as mais fortes, e não aquelas que escondem sua dor utilizando outros artifícios par fazê-la passar.

7)A defesa de Sócrates

A_DEFESA_DE_SCRATES_1257731630B

Como o próprio nome sugere, a obra se trata do julgamento a que foi exposto o famoso pai da filosofia, e como se defendeu, com a ajuda de discípulos como Platão.

Motivos para a escolha:

Quando li isso, tinha apenas 8 anos, e desde então está na minha imensa  lista de preferidos. Graças a esse livro, Sócrates foi meu primeiro ídolo (atualmente tenho nove), passei a gostar de filosofia (inclusive pretendo cursar uma segunda faculdade sobre isso, como hobby) e nunca temi a morte, afinal, como ele mesmo diz:em algumas teorias, é um sono eterno, em outras, nos encontramos com seres queridos que já se foram. Em ambos os casos, não vejo porque seria ruim.

Bom, pessoal, a tag acaba por aqui! Espero que tenham gostado tanto quanto eu, de verdade! Adoro tags porque assim todos podem saber um pouco mais sobre mim, mas nem todos gostam, então, como de hábito, vou deixar livre para quem quiser ou não responder!

Beijos,

Ana Beatriz

 

 

 

Anúncios

4 comentários sobre “Top 7:Livros que me mudaram

  1. Eu totalmente indico o livro, especialmente se você gostar de drama, principalmente drama familiar! É muito bem descrito e tocante, tanto que está entre os meus preferidos!
    Beijos 🙂

    Curtir

  2. Amei o tema escolhido por ti Ana, livros tem esse dom de nos mudar e nos fazer pensar de jeitos e jeitos diferentes… Simplesmente amei essa sua listinha e dela li apenas Percy Jackson e Cidade do Fogo Celestial, mas já fiquei mega curiosa para ler todos os outros, e me interessei muito pelos livros “Por toda a eternidade” e “Willow”
    Muito muito obrigada por ter respondido a tag, adorei ❤
    Beijoss!!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Imagine!! Eu que agradeço por você ter me indicado, de verdade! Eu amei responder a essa tag e fico feliz que tenha gostado do tema que escolhi! Super indico tanto Willow quanto Por toda eternidade, são realmente muito bons e me influenciaram demais! Livros tem esse poder mágico de nos fazer enxergar as coisas com outro olhar, e nem sei como seria sem eles kk.
    Beijos 🙂

    Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s