A FESTA NO CASTELO – Moacyr Scliar

Duas histórias são contadas paralelamente durante o livro todo: uma sobre a festa da nobreza italiana da Idade Média, em que os convidados do conde de V… encontram fartura em um jantar; e outra narrando a amizade entre um rapaz gaúcho e um sapateiro italiano. Elas parecem não ter nada em comum, mas no final é revelada a ligação entre elas.

A história do jantar da Nobreza desenrola-se aos poucos, com cuidado, narrando quem são os convidados do conde; como é o castelo onde ocorre a festa; quais são as atrações preparadas para o jantar.

A história principal se passa em Porto Alegre, nos anos de 1963 e 1964. Fernando, rapazote bonito e inteligente, nutre grande admiração por seu amigo Nicola, um velho sapateiro italiano; que além de gostar muito de ler, tem livros sobre a doutrina socialista por todos os cantos de sua casa.

O rapaz fica muito encantado com as histórias que o sapateiro conta a respeito da luta pelos direitos iguais de Marx, Robespierre, Bakinin. Começa a emprestar tantos livros do velho amigo e passa a tomar gosto pelo socialismo, tanto que acaba entrando para o grêmio da escola e até passa a escrever para o Jornal Estudantil matérias sobre o assunto.

Já seu pai, um gerente de loja descontente com sua própria sorte, engaja-se em uma luta sindical, cujo o único objetivo era receber alguma vantagem e vir a ser encaixado em algum cargo no sindicato. Ao descobrir o verdadeiro motivo da amizade entre Fernando e o Nicola, chega a surtar e expulsar o velho sapateiro de sua casa. 

Uma ideia então surge na cabeça de Nicola: criar a primeira fábrica de sapatos socialista do Brasil, que se chamaria “Fábrica do Povo”. Os empregados é que mandariam na fábrica, escolheriam seus turnos,etc. Ele pede o apoio de  Fernando para começar este projeto que seria o começo do fim da burguesia no Brasil.  Nicola compra então uma fábrica quase falida em Novo Hamburgo, e Fernando passa a negligenciar seus estudos e o grêmio estudantil para auxiliá-lo com tão impactante projeto.

Contudo, com o passar do tempo, ele começa a perceber que todas as coisas que seu velho amigo havia prometido pôr em prática não estão acontecendo. Nicola não cria nenhuma Fábrica do Povo; longe disso, o velho sapateiro começa a comportar-se como um capitalista como seu pai, algo que ele tanto combatia. Contrata um estilista para criar uma nova linha de calçados; coloca anúncio de lançamento no jornal e até contrata uma secretária, por quem se apaixona.

Mas, o que ocorre depois, só lendo muito…

 

As duas histórias foram muito bem construídas, com um leve toque de humor e muita genialidade por parte do autor. Um livro belíssimo, muito profundo. Recordou-me  “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell. Nota 10.

Alex André

Anúncios

9 comentários sobre “A FESTA NO CASTELO – Moacyr Scliar

  1. Nossa se esse livro de recordou a revolução dos bichos, acho que eu preciso ler hehe. Adorei também o fato das histórias serem paralelas e de haver elementos da nobreza e também de ser passar em Porto Alegre, parece ser um livro e tanto! Meus parabéns pela excelente resenha Alex querido :))
    Beijinhos!!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Nossa, esse livro parece ser muito bom. Além de mostrar um encantamento pelo socialismo, gosto de livros assim. Eles sempre conseguem exprimir um lado bonito e apaixonante, que se você pensar bastante concorda com aquilo. Assim como há em outras formas de governo político. Entrará na minha listinha, um beijo! 😀

    Curtido por 1 pessoa

  3. Adorei a sua resenha Alex, realmente a história faz lembrar a “Revolução dos bichos”. Interessante como Scliar coloca a cidade de Porto Alegre e também Novo Hamburgo na história, sendo que esta última cidade é bastante conhecida por ser justamente ” a cidade do calçado”- curiosidades da minha terra, nada mais. hahaha
    Grandes expectativas com as obras de Moacyr Scliar!
    Um abraço, querido amigo!

    Curtido por 1 pessoa

    • Obrigado, Mê querida. Eu adorei saber que você é do Rio Grande do Sul, pois adoro o povo gaúcho (minha avó era de Santa Maria).
      Vou ficar aguardando ansiosamente a sua resenha, amiga querida.
      Um beijo enorme e uma ótima noite para você.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s