Parabéns Mãe – Alex André

 

Este acróstico é para o meu primeiro amor.
Parabéns, mãezinha querida, pela sua septuagésima segunda primavera!!!

Daisy Cake

P or mais uma primavera em tua vida tão atribulada e acompanhada por muita aflição

A única verdade que carrego comigo é a de que me amaste desde o momento da minha concepção

R enunciaste a tua vida para criar esta tua “criança” tão irrequieta

A s lágrimas que eu derramava de tristeza, tu secava-as com beijos doces para minha angústia assim passar

B rincaste comigo quando todas as crianças passaram a me rejeitar por causa das minhas diferenças

E sperava-me sempre com seu sorriso aberto, mesmo quando não tinha motivos para se alegrar

N unca deixaste de acreditar em minha competência e inteligência

S empre me amaste, mesmo quando não era digno de merecer teu amor, por causa de minha insurgência

M as foi na minha doença que demonstraste o lado mais humano do seu ser, procurando pra mim a melhor terapêutica

A minha sorte começou quando Deus designou você, minha Estrela, para ser minha mãezinha querida

E agora, dou-lhe os parabéns e desejo-lhe muitos anos de vida!!!

Alex André

Para acompanhar este acróstico, selecionei 3 músicas que fizeram parte da juventude da minha Estrela

Anúncios

13 comentários sobre “Parabéns Mãe – Alex André

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s