UMA QUESTÃO DE MORAL – Patrícia Highsmith

Li este livro há muito tempo atrás e impressionei muito na época, pois ele fala de ódio e intolerância religiosa. Foi meu primeiro livro desta autora brilhante, que se notabilizou por ter criado o personagem “O Talentoso Mr. Ripley”, que todos já conhecem dos filmes, mas acredito que poucos tenham lido.

Tudo se passa quando o jovem Arthur Alderman, de apenas 16 anos, está cursando o ensino médio em sua cidade, Chamerstown.  Ele nutre um sonho de cursar a Universidade de Columbia, em Nova York. Seu pai, Richard, é um vendedor de seguros local, enquanto sua mãe, Lois, é voluntária no orfanato.

Robbie, seu irmão mais novo é curado de uma forte dor de garganta e seu pai, a partir de então, insiste que a família frequente a igreja e torna-se um súdito fervoroso de Deus, fazendo com que a casa seja inundada por todo o tipo de literatura religiosa.

Arthur, começa a descobrir o amor e o sexo, e tem sua primeira relação sexual com sua namora Maggie Brewester, porém descobre algumas semanas mais tarde, que ela está grávida. A família de Maggie, por achá-los muito novos ainda, resolve que o mais acertado é que ela faça um aborto. Richard, e Eddie Howel, um membro da igreja, pressionam Arthur para que ele faça Maggie desistir da ideia do aborto, mas o jovem mantém sua posição que prioriza o direito de escolha da mulher, pois ela é quem carrega a vida no ventre.

A partir daí, Arthur começa a ser hostilizado em sua própria casa, por seu pai e por seu irmão Robbie, que agora se tornou um fanático como seu pai. Quando o jovem casal resolve reatar, após meses de separação, Robbie volta mais cedo para casa e encontra-os juntos, dormindo no quarto de Arthur. O pai expulsa Arthur de casa e ameaça não pagar mais a faculdade do jovem.

Um crime terrível acontece, motivado pelo puritanismo e fanatismo religioso, as armas mais perigosas do mundo.

O resto, só lendo muito…

Como em todo o livro de Patricia Highsmith, existe uma grande pitada de suspense e mistério em tudo, além de uma crítica social por trás de tudo. Após este livro, comprei quase tudo desta autora maravilhosa, que se enveredou por vários gêneros literários. É um livro aconselhável para adolescentes e adultos.

By Alex André

 

 

Anúncios

6 comentários sobre “UMA QUESTÃO DE MORAL – Patrícia Highsmith

    • Li muito mesmo, Nati querida. Mas ainda preciso ler mais. Este livro realmente é muito bom e tenho certeza que você irá gostar de verdade, pois todos deveriam ler e perceber que a intolerância religiosa não leva a lugar nenhum, a não ser ao desastre e tristeza.
      Fica a dica pra você.
      Um beijo enorme e curta bem seu dia, pois você sem dúvida merece.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s